O olhar da NPR sobre traduções literárias

A estação da Rádio Pública Nacional (NPR) de Boston publicou duas reportagens bastante interessantes sobre tradução literária, incluindo áudio com entrevista [em inglês] e alguns fragmentos [também em inglês] dos romances e dos poemas destacados.

Na matéria Good Books Get Lost For Want of Translation [Livros bons se perdem por falta de tradução], eles mencionam como poucos dos 100 livros mais vendidos de acordo com o jornal New York Times foram escritos originalmente em um idioma diferente do inglês. As sugestões de leitura incluem "Kamchatka" de Marcelo Figueras”, traduzido do espanhol por Frank Wynne, e "O cemitério de Praga" de Umberto Eco, traduzido do italiano por Richard Dixon.

Bringing The World’s Literature To An American Audience [Levando a literatura mundial para o público norte-americano] reflete a iniciativa da Universidade de Rochester, conhecida como "Three Percent", que nos faz recordar que somente 3% dos livros publicados nos EUA são traduções de outros idiomas. As recomendações dessa matéria incluem “To the End of the Land” de David Grossman, traduzido do hebraico por Jessica Cohen“Visitation” de Jenny Erpenbeck traduzido do alemão por Susan Bernofsky“In the United States of Africa” de Abdourahman A. Waberi, traduzido do francês por David e Nicole Ball, e Marlene van Niekerk's “Agaat” de Marlene van Niekerk, traduzido do africanês por Michiel Heyns.